PRF reforça policiamento na serra e não registra acidentes

A Polícia Rodoviária Federal intensificou a fiscalização na BR 116 com o emprego de radares e motociclistas policiais para garantir a segurança e a fluidez nesse trecho de serra, que é uma das principais rotas turísticas do estado.

A fiscalização teve como foco as principais causas de acidentes graves da rodovia: excesso de velocidade e ultrapassagem em local proibido. Os radares de PRF flagraram mais de 500 veículos. Destes, 13 condutores estavam em velocidades acima de 50% do limite e terão as CNHs suspensas após processo, além dos 880 reais referentes à infração.

O maior risco à segurança do trânsito foi um veículo esportivo flagrado a 133 km/h em um trecho de curva acentuada.

Foram registradas ainda mais de 40 ultrapassagens em local proibido e diversos veículos que estavam com problemas de manutenção e ameaçavam a segurança do trânsito foram autuados e orientados.

Durante esse período de fiscalização não ocorreram acidentes nesse trecho de serra, caracterizado por curvas acentuadas e trânsito intenso de veículos de passeio e caminhões.

A PRF manterá o rigor na BR 116 em direção à serra para garantir a segurança e a fluidez dessa rodovia tão importante para o turismo gaúcho.




Deixe uma resposta